quarta-feira, novembro 30, 2005

Máscaras


Todos nós representamos vários papéis ao longo da nossa vida e até podemos dizer que grande parte deles é representada na mesma fase da vida, cada um no seu contexto:
o papel de profissional responsável no trabalho,
o papel de filho/a certinho/a à frente dos pais,
o papel de amigo/a engraçado/a e divertido/a no grupo do café,

o papel de companheiro/a junto do/a respectivo/a...
...e muitos outros...

São máscaras que não fazem de nós falsos, apenas sobreviventes num mundo onde é preciso um adaptar constante a regras, a outros intervenientes, a realidades completamente diferentes umas das outras.

Mas então, qual de nós é o verdadeiro eu?
Tirando as máscaras todas, o que sobra? Sobrará alguma coisa?
Seremos nós apenas o resultado de várias máscaras?

E tu? Quantas máscaras tens?
Aquilo que conheço...será o teu eu ou apenas (mais) uma máscara?
Que máscara é a mais próxima do teu eu?

4 Comments:

Blogger noisiv said...

Eu tenho bue mascaras... mas como tamos em tempos de crise e de contenção, tenho usado sempre a mesma... note-se que a crise para os meus lados já dura à 27 anos... é tramado...

12:27  
Blogger ananaia said...

vê lá se depois fica gasta demais e ficas ainda mais feio do que és :P

12:35  
Blogger noisiv said...

isso e impossivel... a natureza nao permitia uma coisa dessas...

12:51  
Blogger Rhiannom said...

e quando a máscara cai???... revelar-se-à entao o verdadeiro "eu"?...

11:57  

Enviar um comentário

<< Home